O Crescente Impacto da Educação em Saúde Pública na Era Pós-Pandemia

O Crescente Impacto da Educação em Saúde Pública na Era Pós-Pandemia

Gina Lovasi, a decana interina da Faculdade de Saúde Pública Dornsife da Universidade Drexel, discutiu recentemente a evolução do cenário da educação em saúde pública à luz da pandemia de COVID-19. Com um aumento no interesse e na matrícula, Lovasi destaca a necessidade de acomodar estudantes de diversas formações acadêmicas que buscam um melhor entendimento da saúde pública. Ela enfatiza a importância de oferecer uma ampla variedade de cursos, tanto presenciais quanto online, para atender às necessidades de diferentes alunos.

A pandemia também destacou a importância dos determinantes sociais da saúde, incentivando uma mudança na abordagem da educação em saúde pública. Lovasi enfatiza a necessidade de abordar questões mais amplas que contribuem para as desigualdades nos resultados de saúde, além do acesso apenas aos cuidados de saúde. Fatores como o ambiente de trabalho, as condições do bairro e o apoio a um estilo de vida saudável desempenham um papel na determinação dos resultados de saúde. Lovasi enfatiza a importância de treinar indivíduos para reconhecer e lidar com esses determinantes sociais da saúde.

A Faculdade de Saúde Pública Dornsife tem fortes raízes na comunidade, especialmente na Filadélfia. Através de diversas iniciativas e parcerias, a faculdade busca proporcionar um ambiente de apoio à população local e contribuir para os esforços de saúde pública tanto dentro da cidade quanto além dela. Os estudantes têm a oportunidade de se envolver com organizações comunitárias e participar de projetos relacionados à saúde pública, local e globalmente.

Quando se trata de priorizar questões de saúde pública, Lovasi sugere uma mudança de foco, deixando de classificar doenças com base em seu impacto para considerar áreas de ação potencial que possam ter o maior alcance na melhoria dos resultados de saúde. Em vez de abordar apenas doenças específicas, há um reconhecimento crescente da necessidade de enfrentar ameaças mais amplas à saúde e à sociedade, como acesso à moradia, bens e serviços, ar e água limpos, e redução da violência e do trauma. Ao abordar esses fatores subjacentes, autoridades e estudantes de saúde pública podem avançar significativamente na melhoria dos resultados de saúde em geral.

No geral, a pandemia de COVID-19 colocou a saúde pública em destaque na consciência pública, levando a um aumento de interesse na área e uma crescente demanda por educação em saúde pública. Com um foco renovado nos determinantes sociais da saúde e uma abordagem mais ampla para enfrentar ameaças à saúde, a educação em saúde pública está evoluindo para atender às necessidades atuais e futuras da sociedade.

Fonte: The Inquirer

All Rights Reserved 2021.
| .